Liderança transcendente pela percepção de Fred Kofman

outubro 30, 2020 | Shaíze Roth
Liderança transcendente pela percepção de Fred Kofman
Kofman explica que a motivação dos empregados é o conjunto de fatores que a organização oferece, no entanto, apenas 15% é relativo à remuneração e benefícios.

Os outros 85% se referem à sensação de pertencimento. Os empregados se sentem valorizados quando diariamente têm a convicção de que o seu desempenho tem importância.

O autor afirma que todas as organizações devem ter um “projeto de imortalidade” e sua missão deve ter um propósito enobrecedor. O líder precisa ter habilidade para demonstrar o propósito para a equipe e, ao criar este elo, cria uma rede de companheirismo e convence as pessoas de que elas estão em busca do mesmo objetivo.

O líder deve ser um exemplo do desejo de crescimento da organização e proporcionar aos colaboradores possibilidades de desenvolvimento, salientando a importância dos esforços individuais, provando que assim é mais fácil de se obter sucesso e crescer.

Kofman sugere que os líderes pensem sobre os seguintes questionamentos:
 
  • Propósitos: por que existimos enquanto organização? Qual é a nossa importância no meio em que atuamos? Por que nosso êxito é importante para outras pessoas? Compreendemos que nosso esforço contribui para o propósito que compartilhamos?
 
  • Princípios: quais os valores que queremos passar? A forma de relacionamento de nossas lideranças é adequada ao que esperamos de nossos empregados? Quais comportamentos esperamos ter, independentemente, de nossos esforços e resultados?
 
  • Pessoas: como vamos gerar o sentimento de pertencimento e nos conectar uns com os outros? Como vamos garantir que todos se sintam respeitados e valorizados perante os membros da organização? Por fim, como vamos estreitar os vínculos de confiança entre todos?

O livro de Fred Kofman revela segredos sobre como construir times fortes e coesos e que o líder transcendente não está relacionado somente às suas habilidades relacionadas com qualificação e treinamento. Kofman afirma que a motivação está diretamente relacionada com o pertencimento.

Sobre o autor: Fred é PhD. em Economia, com especialização em teoria avançada e organização industrial pela University of California, Berkeley. Foi professor de sistemas de informação gerencial na Sloan School of Management do MIT, onde atuou como pesquisador sênior do Center for Organizational Learning.

No decorrer de sua carreira, Fred trabalhou em renomadas organizações, como Google, LinkedIn, Microsoft, Facebook, General Motors, Heineken Mexico, Mandiri Bank Indonesia, Master Blenders Holanda, Pão de Açúcar Brasil, Pepsico México, PwC, Telefonica Spain, Vodafone Australia, entre outras.

A Sou está sempre atenta às novidades, compartilhando conhecimento. Acesse nossa página de serviços e saiba mais!
 

Inscreva-se em nossa Newsletter

Ao se inscrever em nossa newsletter você receberá um material exclusivo sobre Coaching!