Como

gerenciar conflitos de equipe em sua organização

setembro 19, 2019 | Shaíze Roth
Como gerenciar conflitos de equipe em sua organização
Conflitos, divergência de opinião, momentos de pressão, implementação de sistemas, mudanças drásticas. Um dos maiores desafios dentro de uma companhia, enfrentado diariamente principalmente pelos líderes, é o gerenciamento de conflitos que surgem entre equipes no cotidiano do trabalho. São momentos comuns dentro de um ambiente de trabalho, mas que se não forem bem administrados, podem se tornar combustível para conflitos ainda mais sérios dentro do ambiente de trabalho.
 
Fazer a gestão de conflitos significa olhar para o problema de modo profissional. Pensando nisso, selecionamos algumas dicas que ajudam você, a fazer o gerenciamento de conflitos dentro da sua organização, tornando o ambiente mais agradável e, consequentemente, conquistando resultados positivos e sucesso para a empresa.

Ouça e depois fale: o primeiro passo para gerenciar um conflito é saber, antes de tudo, ouvir. É necessário deixar o outro falar sem criticar, ironizar ou interromper. Após isso, é possível falar e dar o seu ponto de vista, sempre de forma respeitosa, prezando pelo bem-estar de todos.

Entenda o real fato: as opiniões divergentes sempre irão existir, muito por isso que ocorrem os conflitos, afinal, cada pessoa vai acreditar no que é certo para si. Por isso, a dica aqui é repensar todo o problema e atentar-se apenas aos fatos reais, fugindo do ponto de vista das pessoas, afinal, contra fatos, não há argumentos.

Alinhe os objetivos comuns: é preciso achar ojetivos em comum para o bem e crescimento da empresa, afinal, todos os colaboradores querem que a empresa tenha mais clientes e cresç, certo? Entretanto, muitas vezes, acabam defendendo apenas o seu ponto de vista, não percebendo que, muitas vezes, outras opiniões podem se encaixar melhor com os objetivos da empresa e da equipe.- Encontre soluções: encontre soluções, não culpados. Achar culpados dentro de um conflito com diversas opiniões sempre será um erro. Não aponte o dedo a ninguém, aponte alguma solução para o problema, seja por meio de treinamentos, conversas, coaching, mudanças, planejamentos e outras formas de gerir.

Respeite soluções feitas em conjunto: assim que um problema for solucionado, é necessário que essas soluções sejam respeitadas. Se elas forem feitas em conjunto e de comum acordo, isso se torna ainda melhor. A partir de então, os envolvidos devem colocar a solução em prática para o bom desempenho da empresa. Isso tudo pode ajudar muito a prevenir demais conflitos e agilizar o gerenciamento de sua equipe: depois que um plano foi traçado, as discussões sobre o assunto devem terminar.

Tecnologia a favor: sistemas colaborativos podem ajudar muito a evitar conflitos, pois tudo fica documentado e transparente, tirando a dúvida de qualquer um. Aplicativos e ferramentas online podem ser um grande aliado nesse momento, sendo usadas pela empresa com objetivo de melhorar os laços e relacionamentos entre os colaboradores.

Gostou das dicas? Que tal começar a praticá-las agora mesmo na sua forma?

Além dessas, ainda existem outras formas de ajudar você, líder, a gerenciar conflitos e manter a harmonia e o bem-estar no ambiente de trabalho entre colaboradores, uma delas é a consultoria ou o coaching. Através dele, você recebe a ajuda necessária para realizar o gerenciamento e trazer, de forma agradável, soluções e melhorias para que os conflitos fiquem longe do ambiente de trabalho

E a Sou pode ajudar você nessa! Acesse aqui e confira alguns eventos e informações que podem ajudar você nessa tarefa.