Doomscrolling: saiba o que é e como evitar

agosto 04, 2021 | Shaíze Roth
Doomscrolling: saiba o que é e como evitar
Estudos indicam que o consumo de internet cresceu aproximadamente 50% durante a pandemia do Coronavírus.

Hábitos de compras, trabalho em home office, pesquisas em geral e a busca por notícias são apenas alguns exemplos de tudo que é oferecido na rede, para proporcionar às pessoas a manutenção do convívio social, mesmo com o distanciamento imposto.

O novo normal trouxe com ele benefícios nesse sentido, mas também uma enxurrada de informações falsas ou negativas, que pouco a pouco vão minando a saúde mental das pessoas e causando grandes prejuízos.

É o chamado doomscrolling, um alerta sério justamente sobre os danos psicofisiológicos que os seres humanos vêm sofrendo durante a pandemia.

Entenda mais sobre esse assunto e como criar hábitos saudáveis de consumo de conteúdo online na leitura que segue. Aproveite!

O que é doomscrolling

A palavra advinda do inglês traduz-se em: o ato de gastar tempo em demasia absorvendo notícias distópicas. Algumas pessoas sentem a necessidade de estar em contato com esses conteúdos, desperdiçando grande parte de seu tempo útil.

Tal conduta pode resultar em grandes danos psicológicos, aumentando ainda mais a condição de isolamento, sensação de ansiedade, negatividade e, até mesmo, em casos mais graves, depressão.

O doomscrolling é a necessidade de se manter atrelado a ter mais e mais contato com informações ruins. O que muitas vezes acontece é que a pessoa fica “viciada” nesses materiais e, consequentemente, sua saúde fica comprometida.

Fatores externos que levam ao dooscrolling

A busca constante por informação durante o período de pandemia, unida ao aumento do desemprego, isolamento social, a iminência de contrair uma doença e até a morte, expôs as pessoas a uma vulnerabilidade emocional muito grande.

As atualizações frequentes de notícias preocupantes e possíveis tragédias, inevitavelmente atraem muita atenção. Acontece que, em alguns casos, as pessoas mantêm uma busca por esses fatos, de maneira muito rotineira, sem que consigam controlar essa necessidade de consumir uma enxurrada de constatações ruins.

Mas afinal de contas, como fugir dessa armadilha?

Uma vez que criamos um mau hábito, quanto mais o praticamos, mais difícil é voltar atrás. Mas pensando que o bem-estar deve ser uma prioridade, vale o esforço de se desintoxicar do malefício e viver de forma mais tranquila.

Então, para fugir da armadilha de estar sempre em contato com aquilo que não gera bons sentimentos, é preciso investir mais tempo em lazer, em atividades prazerosas, bolar diferentes atividades no decorrer do dia, que possam trazer alegria e desfrutar de tempo de qualidade em sua rotina. 

Sendo assim, é preciso ter muita consciência e força de vontade, evitando a autodestruição e retomando uma vida alegre e saudável. 
Nossa dica de ouro: desligue as telas e aproveite os momentos singulares do dia.

Conte com a Sou para identificar dificuldades e desenvolver habilidades de crescimento pessoal e profissional.

Nós somos especialistas quando o assunto é comportamento e estamos à disposição para contribuir com a sua felicidade.

Quer acompanhar de pertinho o nosso trabalho e consumir conteúdos construtivos? Nos siga no Instagram!

Inscreva-se em nossa Newsletter

Ao se inscrever em nossa newsletter você receberá um material exclusivo sobre Coaching!